Vibrante e Dinâmica

Um terço da população argentina vive na área cosmopolita da grande Buenos Aires (BA), um centro de inovação na América Latina e anfitrião recente da Conferência Mundial de Desenvolvimento de Telecomunicações (WTDC-17). Novas soluções de tecnologia são rapidamente adotadas pela cidade para melhorar a conveniência na vida cotidiana de 14 milhões de habitantes.

BA é uma cidade vibrante e movimentada durante 24 horas, que possui taxas de emprego consideravelmente mais altas do que em outras partes urbanas da Argentina (70% versus 57%).

Calle Corrientes, a “rua que nunca dorme” e onde por muito tempo os intelectuais confraternizam, atravessa o centro de Buenos Aires, oferecendo uma infinidade de cinemas, teatros e livrarias. Com rendimentos disponíveis quase 10% mais elevados do que de colegas em outras cidades argentinas, porteños (residentes de Buenos Aires) gastam mais em restaurantes, hotéis e educação. E o que não falta são lugares para gastar dinheiro, com uma grande variedade de mercados verticais e de nicho nos 48 bairros exclusivos da cidade.

Co-working Diversificado

O maior ambiente de co-working na América Latina encontra-se em Buenos Aires, com mais de 500 empresas e empreendedores compartilhando mais de cinco mil metros quadrados de espaço de escritórios criativos. Como muitos países, a capital também é o centro das agências de relações públicas, da mídia e do marketing na Argentina, mas, assim como em outros países, empresas devem tomar cuidado com campanhas e estratégias de relações públicas que somente se concentram em Buenos Aires, renegando o resto do país.

Um mercado imobiliário previamente estagnado se recuperou substancialmente desde que o novo governo introduziu empréstimos hipotecários, incentivando as pessoas a investirem no mercado imobiliário, quando anteriormente não podiam. Os estímulos governamentais, como os empréstimos com juros baixos para os beneficiários de pensão infantil, deverão aumentar os gastos dos consumidores nos próximos anos.

A Argentina é um país formado por muitos grupos de imigrantes, e Buenos Aires reflete isso perfeitamente, com colonos europeus chegando antes da virada do século e, nos últimos anos, chegando muitos imigrantes da China, tornando-se o quarto maior grupo de imigrantes da Argentina. A grande Buenos Aires é o lar da maior comunidade judaica da América Latina e sétima maior do mundo.

PR na Argentina

Visão Geral do Mercado

Leia Mais...

A Capital – Bueno Aires

Leia Mais...

Cenário da Mídia

Leia Mais...

Cenário Online

Leia Mais...

Nuances Culturais

Leia Mais...